Agrupamento de Escolas de Aguiar da Beira
Escola Básica dos 2ľ e 3ľ Ciclos C/ Ens. Sec. de Aguiar da Beira
ÁREA DE PROJECTO

início
1-introdućčo
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11-conclusčo
agradecimentos
anexos

11- Conclusčo

 

Na recta final do nosso trabalho, consideramos apropriado mencionar os aspectos mais relevantes do estudo efectuado.

A ideia com que ficámos acerca do encerramento das escolas foi positiva, mas existem factos que poderčo ser mais adversos em todo este processo.

Se por um lado, os discentes, que se deslocam das escolas com poucos alunos para outras onde há mais crianćas, beneficiam de uma maior oportunidade para se integrarem na sociedade, convivem com mais pessoas e testemunham situaćões que melhor os poderčo preparar para o futuro. Por outro lado, também devemos lembrar que poderá contribuir ainda mais para a desertificaćčo do interior, pois, nčo sendo necessários tantos funcionários e professores, haverá uma redućčo dos postos de trabalho.

Numa onda de redućčo de docentes, consideramos que deve ser dada alguma atenćčo e se deve verificar se os alunos continuam a usufruir de um ensino de qualidade. ň partida, aumenta o número de alunos que sčo colocados ao encargo de um só professor o que pode impedir que seja dada a devida atenćčo aos discentes.

Outro aspecto menos favorável é que aumentam as despesas com os transportes.

Numa reuničo com o presidente do nosso município, fomos informados de que a médio prazo há intenćčo de evoluir apenas para trźs grandes pólos educativos no concelho. Sčo estes Dornelas, Penaverde e Aguiar da Beira. Nesta ocasičo, apurámos ainda que estčo a ser equacionadas as várias possibilidades de destino a dar aos edifícios escolares desactivados, e que poderčo passar por protocolos com associaćões recreativas, que já demonstraram interesse em reaproveitar esses espaćos. Também se poderá proceder ą criaćčo de centros de dia, o que favorecerá o concelho na prestaćčo de apoio ą comunidade, principalmente ą fatia da populaćčo mais idosa. Estas associaćões poderčo ajudar no sentido de fazerem a manutenćčo destes edifícios e evitar a sua degradaćčo. Caso isto nčo se verifique, estes poderčo eventualmente, vir a ser alienados.

Como pudemos verificar, ao longo do nosso trabalho, a natalidade tem vindo a diminuir nestas últimas décadas e acreditamos que esta continue a ser a tendźncia para o futuro.

Na nossa opiničo, a manter-se esta redućčo da natalidade, acreditamos que os nossos filhos apenas terčo como alternativa, a frequźncia de um estabelecimento de ensino do primeiro ciclo na sede do concelho.

Para evitar que encerrem mais escolas, deixamos a nossa humilde sugestčo. A adopćčo de urgentes e enérgicas medidas natalistas por parte do poder central, mas também a nível local para estimular a natalidade no concelho. Por que nčo, por exemplo, a concessčo de um subsídio de instalaćčo aos jovens casais?

 

__________________________________________________________________________
Trabalho realizado no Čmbito da Área de Projecto pelos alunos do 12ľ B
2006/07

logos